info
Invista com responsabilidade. A FxPro não é regulamentada pela Comissão de Valores Mobiliários do Brasil e não está envolvida em qualquer ação que possa ser considerada como solicitação de serviços financeiros; Esta página traduzida não é destinada aos residentes brasileiros.Invista com responsabilidade.Invista com responsabilidade.Os CFDs são instrumentos complexos e apresentam um elevado risco de perda rápida de dinheiro, devido à alavancagem. 75.54% dos investidores de retalho perdem dinheiro com este provedor. Tenha em consideração se compreende como funcionam os CFDs e se está em condições de perder o seu dinheiro.Os CFDs e as Apostas em Taxas de Spread são instrumentos complexos e apresentam um alto risco de perda rápida de dinheiro devido à alavancagem. 79.78% das contas de investidores de retalho perdem dinheiro ao negociarem CFDs e fazerem Apostas em Taxas de Spread com este provedor. Deve ter em consideração se compreende como funcionam os CFDs e as Apostas em Taxas de Spread e se pode correr o risco de perder o seu dinheiro.
A FxPro não é regulamentada pela Comissão de Valores Mobiliários do Brasil e não está envolvida em qualquer ação que possa ser considerada como solicitação de serviços financeiros; Esta página traduzida não é destinada aos residentes brasileiros.Invista de modo responsável: Negociar CFDs envolve riscos significativos.
O que é a taxa de câmbio flutuante?

Taxa de Câmbio Flutuante

Como você sabe cada país possui a sua moeda própria, no Brasil nós temos o real, os Estados Unidos possui o dólar, países da União Europeia utilizam o Euro, o Japão tem o yen, a Suíça tem um franco suíço, a Inglaterra a libra esterlina e assim por diante.

Porém, a maioria das transações internacionais (importação e exportação de produtos e serviços) acontecem utilizando-se poucas moedas como o dólar e o Euro, por exemplo. Por isso, em cada país as empresas necessitam trocar a moeda local pela moeda em que será feito a transação comercial.

Imagine, por um momento, que você seja um grande produtor de soja no Brasil. A maior parte da sua produção é vendida no exterior e o preço é cotado em dólares, mas como boa parte dos seus custos (insumos e matéria-prima, mão de obra, etc) é feito em real, aqui no Brasil, você precisa trocar os seus dólares das vendas realizadas no exterior para os reais brasileiros afim de custear suas atividades.

Vamos ver um outro exemplo, digamos que você seja o proprietário de uma Indústria na China. A maior parte da sua produção será exportada para outros países então, você também precisará converter a moeda utilizada para venda dos produtos (dólar ou euro) para sua moeda local, no caso, o yuan.

Os dois exemplos acima foram propositalmente Escolhidos para que possamos analisar os tipos de taxa de câmbio que existem hoje no mundo. Pois, enquanto o Brasil adota a política de taxa de câmbio flutuante, a China é conhecida por adotar uma política de taxa de câmbio fixa.

Então, vamos ver abaixo As definições e as peculiaridades de cada modelo de taxa de câmbio adotado pelos países.

Definição de Taxa de Câmbio Flutuante

Uma das regras básicas da economia é conhecida como oferta x demanda. Esse princípio diz que quanto mais um item é desejado maior será seu preço, ou seja, se a oferta for maior do que a demanda o preço de qualquer ativo tende a subir e o contrário também é verdadeiro.

No modelo de taxa de câmbio flutuante a moeda vale o quanto os Players de mercado estiverem dispostos a pagar por ela. Neste modelo, existe pouca influência do Banco Central do país no valor da taxa de câmbio da moeda local. E esse é o modelo adotado no Brasil, bem como na maior parte dos países que possuem um bom nível de liberdade Econômica.

Diferença Entre Taxa de Câmbio Flutuante e Taxa Fixa

Por outro lado, países como a China controlam de forma artificial a taxa de câmbio da moeda interna, promovendo assim uma taxa de câmbio fixa. No caso específico da China isso é feito pois o país tem a maior parte da sua balança comercial baseado na exportação de produtos, sendo assim, aos olhos do governo, uma boa estratégia manter a moeda interna desvalorizada perante o dólar.

O outro exemplo muito interessante de taxa de câmbio fixa foi o caso da Argentina na década de 1990. Naquela época o governo argentino definiu que $1 seria igual a um peso argentino.

De forma resumida, a principal diferença entre a taxa de câmbio flutuante e a taxa de câmbio fixa é o nível de interferência estatal no mercado de câmbio.

Qual dos Dois Regimes é Melhor?

Em geral, uma taxa de câmbio flutuante é muito melhor do que uma taxa de câmbio fixa. As maiores economias do mundo utilizam uma taxa de câmbio flutuante a única exceção, como já dissemos, é a China. Porém, a economia chinesa possui certas peculiaridades que podem explicar como é possível um país com taxa de câmbio fixa estar entre os principais economias do mundo.

Entre as vantagens de ter uma taxa de câmbio fixa está o fato de que como a estabilidade cambial os investidores estrangeiros se sentem mais à vontade investir no país, visto que, com câmbio fixo e de conseguem planejar melhor seus investimentos.

No entanto, manter uma taxa de câmbio fixa é muito custoso para o governo que precisa queimar suas reservas cambiais (reservas em dólar) para manter o câmbio nos níveis de preços desejados. Mas às vezes esse é um mal necessário para evitar situações do câmbio que podem gerar, entre outras coisas, o aumento da inflação.

O que é Taxa de Câmbio Flutuante Suja?

No caso do Brasil, especificamente, além de dizermos que o país possui uma taxa de câmbio flutuante, podemos ainda dizer que se trata de uma taxa de câmbio flutuante suja. A expressão taxa de câmbio flutuante suja significa que apesar do preço da moeda ser editada pelas forças de oferta e demanda do mercado, autoridade monetária do país (no Brasil é o Banco Central) pode intervir pontualmente no mercado caso perceba que o valor da moeda está acima ou abaixo do que ele gostaria.

Nos últimos tempos temos acompanhado o que o banco central brasileiro tem influenciado cada vez mais na taxa de câmbio isso é feito, principalmente, através de ferramentas como o swap cambial ou swap cambial reverso. A principal função dessa ferramenta é permitir ao Banco Central garantir que não haja sobrevalorização ou subvalorização da moeda frente ao dólar.

Essa manipulação de mercado feito pelos bancos centrais possui alguns efeitos colaterais pois faz com que o câmbio seja instável e isso pode inibir o investimento estrangeiro no país.

Algumas vezes autoridade monetária do país utiliza uma ferramenta chamada banda cambial o que é a faixa de preço com valor máximo e mínimo qual a moeda do país pode flutuar.

Conclusão

Neste artigo você aprendeu como funciona a taxa cambial flutuante, sua definição, os principais tipos de taxa cambial e como os governos se utilizam de ferramentas para controlar o câmbio da moeda local. Você também aprendeu alguns exemplos reais de países que utilizam modelos diferentes de política cambial.

Você aprendeu que no câmbio fixo o governo atua diretamente, no câmbio flutuante o mercado oscila livremente e no câmbio flutuante sujo o governo permite o mercado ter flutuações mais faz intervenções esporádicas.

Esse artigo foi útil?